Quem sou eu

Minha foto

Me chamo Rogério Rocha. Sou maranhense da cidade de São Luís, mas na verdade me sinto um cidadão do mundo. Sou pós-graduado em Direito Constitucional (Universidade Anhanguera-Uniderp-LFG), pós-graduado em Ética (IESMA), Graduado em Filosofia e Direito (UFMA), mestrando em Criminologia na Universidade Fernando Pessoa (Porto/Portugal). Atualmente sou Servidor do Poder Judiciário do meu estado. Exerci a advocacia durante 6 anos de minha vida,atuando nas áreas de Direito Civil (Família), Direito do Trabalho e do Consumidor. Fui professor do CEFET- MA (atual IFMA) por 2 anos, período em que lecionei tanto para o ensino médio quanto para os alunos de áreas técnicas as disciplinas de Sociologia, Filosofia e Metodologia do Trabalho Científico. Escrevo poesias desde os 12 anos de idade. Homem livre e de bons costumes, amante da música, da arte, da história e de viagens. Obs.: Postgraduate in Constitutional Law (University Anhanguera-Uniderp-LFG), Postgraduate in Ethics (IESM), graduated in Philosophy and Law (College); Public Server at Judiciary Power, Teacher, Poet.

terça-feira, 22 de novembro de 2011

TJMA adquire equipamentos de informática para a Justiça estadual


Presidente do TJMA, desembargador Jamil Gedeon aponta avanços tecnológicos na justiça maranhense

O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Jamil Gedeon, anunciou, nesta terça-feira (22) os novos equipamentos de informática doados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e adquiridos pelo próprio Judiciário por meio de licitação, que serão destinados aos serviços judiciários em todo o Estado.
O CNJ doou um lote de 909 computadores, acompanhados de nobreaks 700Kva, com o objetivo de melhorar a qualidade do atendimento ao público e agilizar os serviços forenses. Em 2010, o Conselho doou 460 computadores, 120 scanners e 217 nobreaks.
Após esta última doação, mais 1556 computadores e nobreaks deverão ser entregues pelo CNJ até o final deste mês, que serão, obrigatoriamente, distribuídos à Justiça de 1º Grau (comarcas e juizados).
Já o Tribunal de Justiça, através de licitação, adquiriu mais 400 novos computadores, que estão sendo distribuídos na Justiça de 2º grau (Tribunal).
O presidente anunciou, ainda, a aquisição de kits de gravação de audiência para todas as 140 varas criminais do Estado, que já estão sendo distribuídos na Capital. Equipamentos como esses são utilizados pela Justiça Federal e Tribunais Superiores de Justiça.
Na oportunidade, Gedeon falou dos investimentos para a agilização da rede de dados do Judiciário. “Hoje temos 129 unidades judiciais com a velocidade de conexão de 2Mb, faltando apenas 17 para que possamos alcançar todas as unidades judiciais do Estado, o que significa um avanço em termos de tecnologia, sem problema com conexão de dados com a sede”, explicou.
Segundo o presidente do TJMA, esse avanço tecnológico do Judiciário se deve às discussões com magistrados, servidores e à execução do Planejamento Estratégico. “Estamos colhendo resultados significativos quanto aos investimentos em infraestrutura e aparelhamento da Justiça de 1º e 2º graus”, concluiu Gedeon.
A apresentação dos equipamentos foi feita na presença dos juízes Raimundo Bogéa e Sônia Amaral (auxiliares da Presidência), Sebastião Bonfim (diretor do Fórum de São Luís), João Santana (7ª Vara da Fazenda Pública), Itaércio Paulino (1ª Vara de Entorpecentes) e dos diretores Luis Carlos Calvet (financeiro); Francisco Pereira (administrativo), Paulo Rocha Neto (informática) e Aristeu Rodrigues, coordenador de Material e Patrimônio. 

Fonte: Assessoria de Comunicação do TJMA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe do nosso blog, comentando, sugerindo e deixando o seu recado.

Postagens populares

Total de visualizações de página

Páginas