Quem sou eu

Minha foto

Me chamo Rogério Rocha. Sou maranhense da cidade de São Luís, mas na verdade me sinto um cidadão do mundo. Sou pós-graduado em Direito Constitucional (Universidade Anhanguera-Uniderp-LFG), pós-graduado em Ética (IESMA), Graduado em Filosofia e Direito (UFMA), mestrando em Criminologia na Universidade Fernando Pessoa (Porto/Portugal). Atualmente sou Servidor do Poder Judiciário do meu estado. Exerci a advocacia durante 6 anos de minha vida,atuando nas áreas de Direito Civil (Família), Direito do Trabalho e do Consumidor. Fui professor do CEFET- MA (atual IFMA) por 2 anos, período em que lecionei tanto para o ensino médio quanto para os alunos de áreas técnicas as disciplinas de Sociologia, Filosofia e Metodologia do Trabalho Científico. Escrevo poesias desde os 12 anos de idade. Homem livre e de bons costumes, amante da música, da arte, da história e de viagens. Obs.: Postgraduate in Constitutional Law (University Anhanguera-Uniderp-LFG), Postgraduate in Ethics (IESM), graduated in Philosophy and Law (College); Public Server at Judiciary Power, Teacher, Poet.

sexta-feira, 20 de julho de 2012

História do Maranhão e a fundação da cidade de São Luís

Brasão de São Luís                                            
       Brasão da cidade                                                                              Bandeira da cidade de São Luís
 
Com a assinatura do Tratado de Tordesilhas entre os portugueses e espanhóis por volta de 1494, a região onde hoje se encontra o estado do Maranhão ainda não fazia parte do território brasileiro.

Entretanto, em 1534, o rei de Portugal D. João III dividiu o Brasil-colônia em Capitanias Hereditárias a fim de fazer um cerco no país e impedir a invasão de estrangeiros. Nesta divisão, o território do Maranhão foi fragmentado, mas logo seria invadido pelos franceses por ter uma localização estratégica na região Nordeste do país.

 Consta que desde 1594 Jacques Riffault estabelecera em Upaon-açu (ilha de São Luís) uma feitoria, deixando-a a cargo do também francês Charles dês Vaux, que havia estreitado laços de amizade com os silvícolas e dominava, de certa forma, os meandros da língua nativa. 
                                                           
Dês Vaux, indo à França, provocou a vinda de Daniel de La Touche, mandado por Henrique IV numa viagem de reconhecimento territorial. Não obstante ter sido o rei assassinado nesse meio-tempo, e entusiasmado La Touche com a terra, conseguiu concessão para estabelecer uma colônia ao sul do Equador, 50 léguas para cada lado do forte a ser construído. 

http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/invasoes-francesas-no-brasil/imagens/invasoes-francesas-6.jpg
Em 26 de julho de 1612, chega ao Maranhão a expedição comandada por Daniel de La Touche, Senhor de La Ravardiére, fundeando suas embarcações (La Régente; comandada por La Ravardière auxiliado por Rasilly, Charlotte; com o Barão de Sancy e a nau Sante-Anne; com o irmão de Rasilly) em Upaon-mirim. Em 12 de agosto daquele ano a missão francesa chega até a ilha de Upaon-Açu (a Grande Ilha), onde celebram a primeira missa e erguem uma cruz. 

No dia 8 de setembro de 1612 é fundado solenemente o povoado da, assim chamada, França Equinocial, com a construção do Fourt de Saint-Louis, nome dado em reverência ao rei de seu país. Neste momento, com a participação dos índios que habitavam a ilha (segundo afirmam alguns historiadores), nascia a futura capital do Maranhão: a cidade de São Luís. 

São Luís Rei da França, pintura de El Greco.

Fizeram parte da expedição fundadora, dentre outros, os padres franciscanos Yves d’Evreux, Claude d'Abbeville ( a quem se deve o registro de todos os acontecimentos da França Equinocial), Arsene de Paris e Ambroise d’Amiens, dando início ao culto católico e à catequese indígena, muito embora professasse La Ravardiére a fé protestante.

                                              

Em 1º de novembro, ao lado da cruz, colocaram as armas da França e, franceses e índios, especialmente convocados de todas as aldeias, juraram fidelidade à Sua Majestade Cristianíssima, o Rei, dando-se à colônia recém-fundada uma constituição, a segunda do Brasil e a primeira do Maranhão.

Alguns anos após, viriam até nós os portugueses, sob o comando de Jerônimo de Albuquerque. Em busca de terras, empreenderiam expedições com armas e tropas, a fim de expulsar os fundadores franceses e ocuparem de uma vez por todas as nossas terras. Mas daí em diante instaura-se um novo momento ... e uma outra história tem início...

Localização de São Luís no Maranhão
São Luís (Maranhão) está localizado em: Brasil
Localização de São Luís no Brasil
02° 31' 48" S 44° 18' 10" O

Fontes: http://www.infoescola.com/historia/historia-do-maranhao/
             http://pt.wikipedia.org/wiki/S%C3%A3o_Lu%C3%ADs_%28Maranh%C3%A3o%29
             http://pt.wikipedia.org/wiki/Hist%C3%B3ria_do_Maranh%C3%A3o#Ano_de_1616_.E2.80.93_9_de_janeiro_.E2.80.93_Primeiro_capit.C3.A3o-mor_do_Maranh.C3.A3o
(com adaptações)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe do nosso blog, comentando, sugerindo e deixando o seu recado.

Postagens populares

Total de visualizações de página

Páginas