Quem sou eu

Minha foto

Me chamo Rogério Rocha. Sou maranhense da cidade de São Luís, mas na verdade me sinto um cidadão do mundo. Sou pós-graduado em Direito Constitucional (Universidade Anhanguera-Uniderp-LFG), pós-graduado em Ética (IESMA), Graduado em Filosofia e Direito (UFMA), mestrando em Criminologia na Universidade Fernando Pessoa (Porto/Portugal). Atualmente sou Servidor do Poder Judiciário do meu estado. Exerci a advocacia durante 6 anos de minha vida,atuando nas áreas de Direito Civil (Família), Direito do Trabalho e do Consumidor. Fui professor do CEFET- MA (atual IFMA) por 2 anos, período em que lecionei tanto para o ensino médio quanto para os alunos de áreas técnicas as disciplinas de Sociologia, Filosofia e Metodologia do Trabalho Científico. Escrevo poesias desde os 12 anos de idade. Homem livre e de bons costumes, amante da música, da arte, da história e de viagens. Obs.: Postgraduate in Constitutional Law (University Anhanguera-Uniderp-LFG), Postgraduate in Ethics (IESM), graduated in Philosophy and Law (College); Public Server at Judiciary Power, Teacher, Poet.

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Fabiana Beltrame ganha primeiro ouro brasileiro na história do Mundial de remo

Com larga vantagem para as adversárias, Fabiana Beltrame venceu o skiff simples leve
Com larga vantagem para as adversárias, Fabiana Beltrame venceu o skiff simples leve
 
Do UOL Esporte 

Apenas três dias depois de a atleta Fabiana Murer conquistar um título mundial histórico no salto com vara, a xará Fabiana Beltrame, brilhou nesta sexta-feira e conquistou a primeira medalha brasileira em um Mundial de remo ao vencer e levar o ouro no skiff simples leve em Bled, na Eslovênia.

RESULTADO FINAL DO SKIFF SIMPLES LEVE

REMADORA TEMPO
1. Fabiana Beltrame (BRA) 7min44s58
2. Pamela Weisshaupt (SUI) 7min48s24
3. Lena Mueller (ALE) 7min50s44
4. Ursula Grobler (GBR) 7min53s72
5. Katherine Copeland (GBR) 7min54s00
6. Tracy Cameron (CAN) 7min54s08
 
A prova teve seu início atrasado devido à presença de um cisne no percurso, que precisou ser retirado pela organização. Após sair atrás na largada, Fabiana Beltrame se recuperou e assumiu a liderança ainda na primeira parcial. A brasileira colocou dois barcos de vantagem para a segunda colocada e disparou na frente para vencer com 7min44s58.
A remadora brasileira quebrou o protocolo no momento da premiação e subiu ao pódio com a filha Alice para receber a medalha de ouro e ouvir o hino nacional brasileiro, que foi executado pela primeira vez após uma final de Mundial de remo e levou Fabiana Beltrame às lágrimas.
“Eu estava determinada a ganhar esse ouro e ninguém ia me tirar isso. Sai determinada desde o inicio, era um sonho mesmo ganhar esse ouro. Estou muito feliz e espero que seja o primeiro de muitos que o Brasil possa ganhar no futuro”, comemorou Fabiana Beltrame ao Sportv após conquistar o ouro.
“Eu tive uma tática de não forçar muito na semifinal já que a final ia ser no dia seguinte. Não esperava que fosse chegar com essa diferença para as adversárias, achava que seria por centésimos igual ao último Mundial”, disse Beltrame.
Treinador e marido de Fabiana Beltrame, o remador Gibran Cunha também festejou a conquista da mulher e exaltou a importância do resultado da remadora que compete pelo Flamengo para o remo brasileiro.
“A Fabiana Beltrame virou a página do remo brasileiro. O remo brasileiro vai ser conhecido a partir de agora como antes e depois de Fabiana Beltrame. Quem conhece a Fabiana e o que ela treina sabe o que ela é capaz de se superar numa final como essa”, disse Gibran Cunha.
Apesar do resultado no Mundial, Fabiana Beltrame não garantiu sua classificação para os Jogos Olímpicos de Londres-2012, já que o skiff simples leve não é olímpico. A brasileira terá de competir em outra prova para tentar a vaga olímpica no próximo ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe do nosso blog, comentando, sugerindo e deixando o seu recado.

Postagens populares

Total de visualizações de página

Páginas