Quem sou eu

Minha foto

Me chamo Rogério Rocha. Sou maranhense da cidade de São Luís, mas na verdade me sinto um cidadão do mundo. Sou pós-graduado em Direito Constitucional (Universidade Anhanguera-Uniderp-LFG), pós-graduado em Ética (IESMA), Graduado em Filosofia e Direito (UFMA), mestrando em Criminologia na Universidade Fernando Pessoa (Porto/Portugal). Atualmente sou Servidor do Poder Judiciário do meu estado. Exerci a advocacia durante 6 anos de minha vida,atuando nas áreas de Direito Civil (Família), Direito do Trabalho e do Consumidor. Fui professor do CEFET- MA (atual IFMA) por 2 anos, período em que lecionei tanto para o ensino médio quanto para os alunos de áreas técnicas as disciplinas de Sociologia, Filosofia e Metodologia do Trabalho Científico. Escrevo poesias desde os 12 anos de idade. Homem livre e de bons costumes, amante da música, da arte, da história e de viagens. Obs.: Postgraduate in Constitutional Law (University Anhanguera-Uniderp-LFG), Postgraduate in Ethics (IESM), graduated in Philosophy and Law (College); Public Server at Judiciary Power, Teacher, Poet.

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

65 ANOS DE FREDDIE MERCURY


Faço questão de dizer: o mundo da música nunca mais verá nada igual. Frontman, ícone, músico talentoso, cantor de grande técnica e emoção, líder de uma das maiores bandas de todos os tempos, hipnótico, teatral, apoteótico. Freddie Mercury foi isso e um pouco mais. Seu estilo de cantar em falsete deixou uma marca indelével no rock. Sua capacidade de impactar as multidões, sua performance sempre poderosa nos palcos, sua versatilidade extrema e seus muitos visuais (com bigode ou sem) figuram como referências inegáveis entre os deuses do panteon chamado show bizz. Nascido na Tanzânia como Farrok Bommi Bulsara, de pais indianos, adotou o nome artístico de Freddie Mercury, com o qual faria fama e fortuna, numa carreira marcada pelo sucesso (e também pelos excessos) como líder da banda Queen, que dominou o cenário musical nos anos 70 e 80, produzindo alguns álbuns antológicos e fazendo apresentações não menos incríveis, como a do Rock in Rio de 1985 e o concerto no estádio de Wembley, em 1986. Mercury faria 65 anos hoje, caso ainda estivesse conosco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe do nosso blog, comentando, sugerindo e deixando o seu recado.

Postagens populares

Total de visualizações de página

Páginas